Aquarela Brasileira na Feira Miolo(s)

foto-feira Miolo

A Aquarela Brasileira foi destaque na Feira Miolo(s), um encontro anual na Biblioteca Mário de Andrade que busca estimular a produção de editores e artistas contemporâneos. Também é um momento em que a principal biblioteca pública de São Paulo abre suas prateleiras para livros independentes, democratizando o acesso a publicações fora do circuito comercial tradicional e dando diversidade ao acervo.

Em 2015, além da feira de publicações, houve um prêmio e uma programação paralela, que incluiu palestras, oficinas e uma mostra.

O evento aconteceu no dia 07/11/15, das 10h às 18hs, e reuniu mais de 122 editoras independentes de várias partes do país.

A Aquarela Brasileira participou com livros (8 títulos), CDs (2 títulos), DVDs (2 títulos), camisetas e outros objetos artísticos.

Entre os convidados estava o escritor Wagner Merije, que declamou poemas e encontrou leitores.

Confira algumas fotos

Serviço:
Local:Biblioteca Mário de Andrade – R. da Consolação, 94 – Consolação, São Paulo – SP – (11) 3775-0002
Entrada franca

Raul de Souza – Biografia autorizada

Raul de Souza_CopaFest

Raul de Souza_metálico

Estamos trabalhando no projeto da Biografia autorizada do genial Raul de Souza.

RESUMO

Produção da biografia de Raul de Souza, um artista reconhecido em todo o mundo, o mais completo e expressivo trombonista brasileiro de todos os tempos.

O QUÊ?

Biografia autorizada de Raul de Souza, nascido no subúrbio do Rio de Janeiro, um menino humilde que se tornou um grande vencedor. Memórias da vida e da obra do mais completo, versátil e expressivo trombonista brasileiro de todos os tempos – e o único a alcançar fama mundial, graças a seus trabalhos com Airto Moreira, Flora Purim, Sonny Rollins, J.J. Johnson, Frank Rossolino, Cal Tjader, George Duke, Roberto Carlos, Tom Jobim, Maria Bethania, entre outros.

POR QUÊ?

Ele saiu de casa apenas com um trombone na mão e se tornou uma lenda mundial.

Uma história de luta, amor, confiança, perseverança, superação e reconhecimento internacional.

 

VAMOS PARTICIPAR ?

Fãs e amigos, nossa página de crowdfunding para a Biografia autorizada de Raul de Souza já começou.
Acesse, compartilhe para a realização deste maravilhoso projeto.
E a sua contribuição se reverterá em recompensas que vão desde a inserção de seu nome no livro como colaborador, E-book, livro impresso, DVD, Masterclass, acesso ao camarim, jantares, entre outras, com um dos maiores músicos brasileiro de todos os tempos.

Assista o vídeo onde Raul de Souza dá o seu recado

• Quem ajudar a mobilizar mais e chamar mais colaboradores, será recompensado com prêmios exclusivos, como ingressos pra shows, e jantar com o artista.

Acessem a página:  www.kickante.com.br/campanhas/raul-de-souza-biografia-autorizada

COLABOREM!!!

Turnê do Encantamento

Turnê-do-Encantamento_livro-de-lado-550x964

A poesia pode transformar a vida das pessoas e fazer folia no nosso cotidiano e, por isso mesmo, “Turnê do Encantamento” vai te tocar profundamente.

Bem escrito, composto por textos inspirados e instigantes, e com um belo tratamento visual, o primeiro livro do poeta, escritor, jornalista e compositor Wagner Merije conduz o leitor por um roteiro imagético e sensorial embalado por uma trilha sonora delicada e ritmada.

O autor mergulha também em outros temas, como o cinema, a literatura beat, o existencialismo, a reflexão sobre o amor, as relações humanas, as cidades e a conquista da dignidade do ser.

O livro reúne poemas escritos ao longo dos últimos 15 anos, elaborados em várias cidades e países e conta com fotos e colagens do próprio autor.

Poesia ou memórias? Narrativa visual.

ALGUNS POEMAS

respeitável público

aqui peço licença

para abrir caminho

para a’soprar o vento

ó respeitável público

me dê licença

para fazer

da sua imaginação

o meu templo

Como espectador

da miséria dos músculos,

meu combustível é o desejo.

É o desejo,

e assim desejo me anunciar

Não sou o infinito

Sou uma obra de deus inacabada,

Um laboratório de experiências

Uma alma feita de pólvora

e sensibilidade

A bem da verdade

Cada um nasce para alguma coisa

A bem da verdade

Cada um tem sua missão

minha arte fazer parte

minha parte fazer arte

Deve ser uma estrela que nasceu

Na minha cabeça

Porque de repente

Acendeu uma certeza

No meu coração

Pra onde vai o fogo, depois que/ se apaga?/ (…)

Enquanto eu não mergulhar,/ como as raízes,/

Para dentro da “rocha viva da/nossa raça”,/

Nunca serei árvore…nem fruto…/

Apenas uma vela sob a luz do sol…

Muita gente não consegue escutar

No silêncio os dizeres do mundo

O vento beija a pólvora/ Ouriça os ânimos/ O céu estremece com o fogo que sobe por suas entranhas

Eles queriam Jesus/ E não queriam de graça

Vingança não é anestesia

Coragem

Vou seguir sem medo, sem preconceito,

sem esperar aplauso, vou fazer o que tem que ser feito

SOBRE O AUTOR
Wagner Merije é poeta, escritor, jornalista, gestor cultural, curador, criador audiovisual e editor. Publicou os livros Mexidinho (2017), Astros e Estrelas – Memórias de um jovem jornalista em Londres (2017), Cidade em transe (2015), Viagem a Minas Gerais (2013), Torpedos (2012), Mobimento – Educação e Comunicação Mobile (2012) – finalista do Prêmio Jabuti 2013, e Turnê do Encantamento (2009), lançados em alguns dos principais eventos literários do país. Sua escrita também está em antologias e em outras mídias. Tem músicas em discos, filmes, séries e programas de TV. Recebeu os prêmios Sesc Sated (2003), Prêmio Tim da Música Brasileira (2005), Rumos Itaú Cultural (2008), Inovação Educativa Fundação Telefônica – OEI (2011) e Prêmio da Música Brasileira (2013). Mantém o site www.merije.com.br

 

Ficha Técnica
Título: Turnê do Encantamento
Autor: Wagner Merije
Editora: M/Aquarela Brasileira
Número de páginas: 80 págs.
Gênero: Poesia
Formato: 15×20 cm
Preço: R$ 20,00
Encomendas: faleaquarela@gmail.com

Torpedos

 

Torpedos

Em “Torpedos”, o escritor Wagner Merije propõe o resgate da poesia, utilizando mensagens via celular e redes sociais para aproximar o leitor

 

“Literatura ao alcance de quem gosta de ler e de quem ainda não sabe que gosta”. Com essas palavras o autor Wagner Merije sintetiza o conceito de seu mais recente trabalho “Torpedos”. Um livro de leitura rápida, com pequenos poemas que divertem e remetem a reflexão. “A poesia, apesar de relegada, cada dia se torna mais importante para darmos conta desse mundo louco. Poesia é bálsamo, refresco, alívio, leva a gente para paraísos que nem sempre são visitados.” diz Wagner.

“Torpedos” reúne poemas, como se fossem mensagens rápidas criadas para informar e conectar. Em formato de bolso, o terceiro livro deste mineiro permeia justamente a atmosfera das conexões instantâneas. Textos produzidos através de mensagens SMS e redes sociais serviram de inspiração para dar forma e também como um termômetro para a escolha do que entraria de fato em sua publicação.

Além de poeta, Wagner é um criador múltiplo, envolvido com projetos multimídia voltados à música, literatura, vídeo e fotografia. Não é por acaso que a sua arte é associada a essa interatividade com as tecnologias da comunicação. Ao longo de sua carreira, Wagner faz uso de ferramentas digitais, despertando a atenção e interesse de jovens e pessoas ligadas à educação e a arte.

O livro nasce apadrinhado pelo escritor pernambucano, Marcelino Freire, que registra no prefácio a honrosa tarefa de Merije em tornar a poesia algo democrático. O lançamento do livro acontecerá em várias capitais do país.

 

ALGUNS POEMAS

Com poucos caracteres
se escreve o que é preciso
Palavra de Narciso

Vivo pescando versos
Como quem reza um terço
E conta certo
Com um milagre

Hipnotizo palavras
Domo frases selvagens
Escrevo com tinta de constelações
Falo pelo indizível
Poesia chama
Poesia é chama

Livros nos observam
Para depois contar
histórias
Lembrar lembranças

Todo dia recito cem versos
Para que o dia fique bem diverso

Quando a palavra encontra rima
Uma estrofe pode virar obra-prima

As palavras carregam
Histórias dos séculos
Escrevo para testemunhar
O que não vivi

Desliguei-me da lógica
racional
Faz tempo
Sou poeta, laboratório
transpessoal, expressão
Contratempo

Eis os meus haikais
sem sê-los
Uma flecha
Um torpedo
Poesia
Nas teclas
Na ponta
dos dedos

Era um terreno pedregoso
Removi pedras e escorpiões
E dei o nome de rua da poesia

 

PREFÁCIO

Minha mensagem:

Escreverei algo, rápido.
Digo: é livro para navegar.
Sair pescando versos, como bem diz o autor.
Jogar-se na rede. Para balançar.
É coisa para ler em um toque. Um clique.
Em um piscar de dedos.
Poesia na ponta do mouse. Ave! Sem medo.
Puro divertimento.
De mansinho amanhecendo.
Gosto disto.
De quem não fica adiando o sentimento.
De quem, como Merije, solta o verbo, a luz, o
flash. Deixa a poesia fácil.
Nada de nadar difícil.
Mergulha e acontece.
“Dei meu nome ao impossível”.
É assim, pois, que se escreve.

Marcelino Freire é escritor . É autor, entre outros, dos
livros “Angu de Sangue” (Ateliê Editorial), “Contos
Negreiros” (Editora Record – Prêmio Jabuti 2006), “Amar
É Crime”(Edith, 2011). Em 2004, idealizou e organizou
a antologia “Os Cem Menores Contos Brasileiros do
Século” (Ateliê). Criou a Balada Literária.

Sobre o autor
Wagner Merije é poeta, escritor, jornalista, gestor cultural, curador, criador audiovisual e editor. Publicou os livros Mexidinho (2017), Astros e Estrelas – Memórias de um jovem jornalista em Londres (2017), Cidade em transe (2015), Viagem a Minas Gerais (2013), Torpedos (2012), Mobimento – Educação e Comunicação Mobile (2012) – finalista do Prêmio Jabuti 2013, e Turnê do Encantamento (2009), lançados em alguns dos principais eventos literários do país. Sua escrita também está em antologias e em outras mídias. Tem músicas em discos, filmes, séries e programas de TV. Recebeu os prêmios Sesc Sated (2003), Prêmio Tim da Música Brasileira (2005), Rumos Itaú Cultural (2008), Inovação Educativa Fundação Telefônica – OEI (2011) e Prêmio da Música Brasileira (2013). Mantém o site www.merije.com.br

Ficha técnica
Título: Torpedos
Autor: Wagner Merije
Editora: Aquarela Brasileira
Número de páginas: 120 págs.
Gênero: Poesia
Formato: 14,5×9 cm
Preço: R$ 20,00
Informações para a imprensa, encomendas, entrevistas com o autor: faleaquarela@gmail.com

Ontem, videoclipe da cantora Van

Videoclipe da música “Ontem” – cantora Van

A música faz parte do primeiro EP da cantora, batizado “Daqui pra frente”.

Informações técnicas

Artista: Van (Vanessa Farias)
Álbum: Daqui pra frente (EP)
Direção:  Merije / Vanessa Farias
Roteiro: Vanessa Farias / Merije
Câmera: Merije
Edição: Léo Teixeira
Styling: Letícia Grossi
Assistente de produção: Antonio Pereira

Produção: Aquarela Brasileira / Van Music

Ouça Van em: http://www.soundcloud.com/vanmusicofial
Facebook:  http://www.facebook.com/vanmusic.oficial

Van_Cd com guitarra

aquarela brasileira_logo_final

Aquarela Brasileira Music

Música! A gente não vive sem música!

A Aquarela Brasileira Music é uma produtora de shows e espetáculos, um selo de música contemporânea, criativa e ousada, e uma criadora de áudio para publicidade, cinema, games, teatro, mobile e para livros interativos.

“Sem música, a vida seria um erro”, já disse Nietzsche.

Conheça alguns de nossos projetos

Blue Voyage – Raul de Souza

Se você quer desenvolver um projeto com a gente, faça contato conosco: faleaquarela@gmail.com

Brasil – Portugal

aquarela brasileira_logo_final

Aquarela Brasileira Imagens

Imagens em movimento nos fascinam!

Aquarela Brasileira Imagens  é uma criadora e produtora de
conteúdos audiovisuais.

Criatividade e ousadia são mantras por aqui.

Trabalhamos com portais de internet, canais mobile, cinema, TV,
projetos indoors e eventos privados e corporativos.

Desenvolvemos projetos próprios, como filmes, séries, programas especiais, DVDs e também trabalhamos com pessoas
jurídicas e físicas.

Contrate-nos para:

* Registro fotográfico e videográfico de eventos em geral;

* Produção de vídeos institucionais;

* Fotos e vídeo de divulgação de produtos e serviços;

* Criação e produção de videoclipes e videopromos;

* Criação e desenvolvimento de novos projetos audiovisuais, como programas para youtube, vimeo, celular, televisão e cinema.

Se você quer um orçamento, podemos lhe ajudar
em todo o processo, do roteiro ao produto final.

Faça contato: faleaquarela@gmail.com

Mobimento – Educação e Comunicação Mobile

Mobimento_Wagner Merije_capa final
“MOBIMENTO” ABORDA FENÔMENO MOBILE

Mobimento – Educação e Comunicação Mobile”, livro de Wagner Merije, aborda o fenômeno “Mobile”, contando a história do celular no Brasil e no mundo, sua aplicação na educação e na cultura e a trajetória do MVMob – projeto idealizado e desenvolvido pelo autor que promove produção de conteúdos audiovisuais com celulares nas escolas. A publicação é voltada a educadores, estudantes e interessados no universo mobile, tecnológico e de comunicação

Em pouco mais de 20 anos no Brasil, o celular mudou e continua mudando o dia-a-dia do brasileiro. Hoje o Brasil tem mais telefones celulares do que habitantes e já somos o quinto país do mundo com maior número de celulares e acessos móveis. A União Internacional de Telecomunicações considera que o celular é a tecnologia mais rapidamente adotada de toda história, em todo o mundo.

O livro explica o que está por trás desse fenômeno, já que considera a mobilidade um caminho sem volta. Apresenta reflexões para a comunicação e a educação. Trata de mobilidade, construção interativa de conhecimento e a apropriação dos aparelhos celulares como ferramentas pedagógicas. Os temas específicos abordados incluem Convergência e Mobilidade, Cultura Mobile no Brasil e no Mundo, Educação Móvel, O papel do Educador na Era Digital, Minha Vida Mobile – MVMob, Cidadania Mobile: Sustentabilidade, Saúde, Meio Ambiente e Ética.

“A intenção é sensibilizar para as possibilidades educativas que o celular pode trazer”, explica Wagner Merije, que não acredita em proibições a celulares feitas por muitas instituições de ensino e propõe aliar a tecnologia à educação como forma de agregar qualidade aos conteúdos desenvolvidos na escola.

Um dos capítulos do livro apresenta um pouco do projeto Minha Vida Mobile – MVMOB –, que vem sendo desenvolvido desde 2005. Compartilhar as experiências adquiridas com a integração do celular à educação, vivenciadas no projeto, fornece aos educadores e interessados no assunto um importante material de aplicações concretas que levam os estudantes a desenvolverem, de maneira prazerosa e envolvente, habilidades essenciais como interpretação, síntese, criticidade, organização, autonomia, criatividade, entre outras.

Neste livro você vai encontrar tudo aquilo que sempre quis perguntar sobre o telefone celular (ou mobilephone, telefone móvel, telemóvel) e nunca teve coragem de perguntar. Dezenas de ideias são apresentadas para potencializar o seu celular e aprender coisas novas. É dirigido a educadores, estudantes, interessados no universo mobile, apaixonados por tecnologia e comunicação, em especial para quem tem o celular como um amigo e companheiro. Mas lembrando de Paulo Freire, a ferramenta está a serviço da humanização, não o contrário.

A obra foi um dos destaques durante a 22ª Bienal Internacional do Livro, que ocorreu de 9 a 19 de agosto de 2012 no Pavilhão de Exposições do Anhembi, em São Paulo. No ano seguinte foi finalista do Prêmio Jabuti 2013, na categoria “Educação”, e entre outros voos, pode ser consultada em bibliotecas de várias partes do Brasil e de outros países, inclusive na Biblioteca do Congresso dos Estados Unidos.

 

Sobre o autor
Wagner Merije é escritor, jornalista, doutorando na Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra/Portugal. Atua como comunicador, gestor cultural, arte-educador e realizador audiovisual. Tem cursos de formação e especialização no Brasil e na Inglaterra. Desenvolve projetos interativos e multimídia desde 1997. Foi um dos primeiros gestores de conteúdo mobile do Brasil e de lá para cá tem o celular como grande aliado. Idealizou e faz a gestão do projeto cultural e educativo Minha Vida Mobile – MVMob (www.mvmob.com.br). Publicou os livros  Astros e Estrelas – Memórias de um jovem jornalista em Londres (2017), Mexidinho (2017), Cidade em transe (2015), Viagem a Minas Gerais (2013), Torpedos (2012), Mobimento – Educação e Comunicação Mobile (2012) e Turnê do Encantamento (2009), lançados em alguns dos principais eventos literários do país. Sua escrita também está em antologias e em outras mídias. Tem músicas em discos, filmes, séries e programas de TV. Recebeu os prêmios Sesc Sated (2003), Prêmio Tim da Música Brasileira (2005), Rumos Itaú Cultural (2008), Inovação Educativa Fundação Telefônica – OEI (2011) e Prêmio da Música Brasileira (2013). Mantém o site www.merije.com.br

 

FICHA TÉCNICA
Título: Mobimento – Educação e Comunicação Mobile
Autor: Wagner Merije
Formato: 16 x 23 cm
Nº de páginas: 128
ISBN: 978-85-7596-262-6
Preço: 35,00

Informações para a imprensa, encomendas, entrevistas com o autor:
faleaquarela@gmail.com

SAIBA MAIS:
www.mvmob.com.br/noticias#!mobimento-educacao-e-comunicacao-mobile

www.mvmob.com.br

Cidade em transe o livro

capa_cidadeemtranse_merije_final_recortada

A Aquarela Brasileira livros orgulhosamente apresenta o novo livro do escritor Wagner Merije.

Intenso, emocionante e surpreendente, o livro tem a cidade de São Paulo e suas manifestações sociais tomadas como eixo da narrativa.

“Nesse universo de transe, agora pelos olhos do mineiro Merije e não do baiano Glauber,  viajamos por uma ficção que poderia ser realidade (ou uma realidade que poderia ser ficção?) em um labirinto confuso de prédios, carros e batidas – policiais, de automóveis, de botecos e de rap – onde uma geração que teve como oráculo a cultura hip hop precisa acalmar o jogo e tentar re-colocar as peças em seus lugares. Entre pressões e re-pressões, o tempo é o mesmo mas parece outro, mais curto, é uma bomba prestes a estourar e tudo pode acontecer…”

Emicida – músico, compositor, que prefere ser apresentado como sonhador

“A cidade em transe de Wagner Merije emerge nesse livro inesperadamente como um desorientado Godzilla do Tâmisa ameaçando o equilíbrio, fazendo a trilha para o tumulto e o caos, como o primeiro tiro, a primeira bomba ou o último beijo com seus Mc´s, grafiteiros e incorrigíveis românticos que apesar de todos os revezes e batalhas inglórias, ainda não desistiram da ultrapassada idéia de que é sempre possível esperar pelo “dia depois da guerra”. – Mário Bortolottoescritor, ator e diretor do grupo Cemitério de Automóveis e vocalista e compositor da banda Saco de Ratos

 

“Cidade em transe” é um romance intenso, emocionante e surpreendente. A cidade de todos os brasileiros, São Paulo, é cenário de batalhas da polícia com a população, de jogos políticos e também de encontros transformadores. Em outras palavras, a cidade e suas manifestações sociais são tomadas como eixo da narrativa. O que era para ser mais um show de música acaba se transformando em uma guerra. E, em meio à violência e o caos em que a cidade mergulha, uma turma de jovens luta pela liberdade e pelo direito de fazer arte na grande metrópole brasileira.

“Cidade em transe” conta histórias de pessoas buscando e encontrando novos caminhos para suas vidas. Cada um é sujeito de sua própria história. Mistura fatos reais com ficção para retratar a cidade de São Paulo de forma crua, mas lírica, com sua diversidade de gente, suas riquezas e, principalmente, a violência que faz parte do cotidiano de quem nela vive. Respire fundo e mergulhe nessa aventura, no tempo real e no universo virtual.

É preciso ser forte e flexível para sobreviver na cidade que mais mata jovens e sonhos. Só mesmo a amizade, o amor e arte podem salvar quem luta por dignidade. Há um ditado antigo dos indianos que diz: “Quando o equilíbrio é rompido, mexe-se com as bases do civilizado. E o que era civilização pode tornar-se selva.” A cidade está em transe e os efeitos recaem sobre todos. Fique atento!

O livro “Cidade em transe” é recomendado para quem cultiva a adrenalina, o companheirismo, o amor, a poesia, a criatividade e o bom humor. Wagner Merije mostra sua versatilidade e sua verve de bom criador de histórias em um romance de fôlego, de intensos movimentos, ricos personagens e intricada trama.

A arte da capa é de Paulica Santos, a mesma do livro “Mobimento” e também responsável pelo design dos últimos trabalhos de Lenine. O prefácio é do rapper Emicida, a apresentação é do escritor, diretor, ator e músico Mário Bortolotto, e a arte do miolo é de Rômulo Garcias.

…… SOBRE O AUTOR ……

Cada um pode viver vários personagens e Wagner Merije recorre ao jornalista, ao poeta, ao músico e ao fotógrafo que tem dentro dele para contar essa história. Natural de Belo Horizonte/MG, na selva de concreto da paulicéia desvairada o escritor plantou raízes. Inovador, intelectualmente inquieto, Merije tem trabalhos lançados no Brasil e no exterior, parcerias com grandes artistas e alguns prêmios na bagagem. É autor dos livros “Astros e Estrelas – Memórias de um jovem jornalista em Londres” (2017), “Mexidinho” (2017), “Viagem a Minas Gerais” (2013), “Torpedos” (2012), “Mobimento – Educação e Comunicação Mobile” (2012) – finalista do Prêmio Jabuti 2013 – e “Turnê do Encantamento” (2009), entre outras publicações. É compositor e produtor musical e trabalhou como jornalista, apresentador e roteirista para veículos no Brasil e no exterior. Criou o projeto MVMob – Minha Vida Mobile. Pai da Dora, ele adora viajar.

…… OPINIÃO DOS LEITORES ……

“É uma crônica atualíssima… um raio x sobre estes novos tempos.” – Rômulo Garciasartista visual, escritor

“Acho muito interessante o ponto de partida ser na Virada Cultural, Praça da Sé, show de rap, confronto com polícia, manipulação da mídia… É o que vivemos socialmente e eu gosto de uma literatura que vai nessas questões. É bem São Paulo também, seus lugares, os diferentes grupos sociais… Enfim, acho ótimo e muito oportuno. Vejo o trabalho de um artista antenado com seu tempo e espaço.” – Ricardo Ribeiroator, contador de histórias, escritor

“Cidade em transe destaca-se pelo domínio linguístico do autor, que transita com facilidade do padrão culto ao coloquial, deste aos dialetos e jargões, utilizando também linguagem tecnológica atualizada, um dos índices de modernidade do romance. Ainda no plano da linguagem encontram-se, incorporados ao corpus, verbetes que estabelecem um jogo de polifonia e intertextualidade com o tema da cidade e suas questões, tratado sob o eixo do espaço narrativo – opção complexa e interessante, na organização da obra. As personagens, algumas mais planas, outras de perfil psicológico mais aprofundado são marcantes e tendem mesmo a “roubar” a cena da cidade/espaço em certos momentos. Deve-se ainda destacar a veiculação de valores bastante positivos, principalmente quando se pensa que Cidade em transe tem potencial para atingir um público jovem, tão carente de boas palavras e exemplos.” – Marisa SimonsDoutora em Teoria Literária

“Acabo de terminar a leitura do seu livro, e não podia deixar de lhe enviar um email lhe parabenizando! UOOOOUULL!!! que livro man! Confesso que fiquei um pouco impaciente no começo, ansioso pelo apogeu da trama (pela prévia que você deu no Sarau Suburbano Convicto), estranhei um pouco os nomes dos personagens… mas no decorrer fui me familiarizando. Você descreve as cenas com excelência, tem uma linguagem poética bem peculiar, bem singular.
Cidade em Transe é um livro contemporâneo, dinâmico, emocionante, versátil. Vai do fundão de SP à rua Augusta pincelando fatos ocorridos, levantando questionamentos e criticas que são importantes serem lembradas. “A arte diz o indizível” (pág 63). Cidade em transe é uma obra de arte, e consegue diz muitas coisas, não dó diz, grita, berra, e as vezes sussurra, fala mansinho no pé do ouvido. “Quando o equilíbrio é rompido, mexe-se com as bases do civilizado.” E com certeza após a leitura de Cidade em Transe, minhas bases foram alteradas. Parabéns mais uma vez.” – Cleyton Mendes – poeta, voz da periferia de São Paulo, carteiro, estudante de Comunicação Social, filho de merendeira e pedreiro

 

DADOS TÉCNICOS
Titulo: Cidade em transe
Autor: Wagner Merije
Editora: Aquarela Brasileira Livros
Gênero: Romance
Formato: 14×21 cm
Número de páginas: 252
Prefácio: Emicida/Mário Bortolotto
Material: Capa dura – Papel Pólen Soft
Peso: 323 grs
ISBN: 978-85-918440-0-5
Valor: R$ 35,00 (R$ 40,00 entregue em sua casa pelos Correios) / E-book: R$ 5,00

Saiba mais sobre o livro clickando aqui

 

……… AGENDA DE LANÇAMENTO ………

2016
Abril
Belo Horizonte/MG – Memorial Minas Gerais – Vale – 07/04

Fevereiro
São Paulo/SP – Sesc Consolação – Contextos Literários – 15/02

Março
São Paulo/SP – Celebração dos 30 anos do Psiu Poético – Casa das Rosas Espaço Haroldo de Campos – 02/03
São Paulo/SP – Patuscada Bar (Vila Madalena) – 03/03

Junho
São Luís/MA – Chico Discos – 21/06

Julho
Sabará/MG – 2ª FliSabará – 01/07

2015
Junho
São Paulo/SP – Famoso Bar do Justo (Santana) – 28/06

Julho
Paraty/RJ – OFF Flip – 02/07
Bonito/MS – 1ª Feira Literária de Bonito – 08 a 11/07
São Paulo/SP – Sarau da Cooperifa

Agosto
São Paulo/SP – Suburbano Convicto – 11/08, 19h30 às 20h
Divinópolis/MG – FLID – 23/08, às 15h, Teatro Usina Gravatá
Brasília/DF – Sebinho

Setembro
Espaço Cultural Alberico Rodrigues – Pça Benedito Calixto, Pinheiros/SP – 12/09

Outubro
Montes Claros/MG – 29º Salão Nacional de Poesia Psiu Poético – 9 a 11/10
Caxias do Sul/RS – 31ª Feira do Livro de Caxias do Sul – 17/10

Novembro
São Paulo/SP – Casa das Rosas – 04/11, das 19h às 21h30
São Paulo/SP – Biblioteca Mário de Andrade – Feira Miolo(s) – 07/11, das 10h às 18h

CONTATOS COM O AUTOR, ENTREVISTAS, ENCOMENDAS
faleaquarela@gmail.com

www.facebook.com/aquarelabrasileira

www.aquarelabrasileira.com.br

Ontem, primeiro musicvideo da Van

Já está quase pronto o primeiro musicvideo (videoclipe) da cantora Van.
A música escolhida foi “Ontem”.

Foto: Merije
Foto: Merije

As filmagens foram feitas na Avenida Paulista e na Rua Augusta de forma bem descontraída, simulando um clima “noir” para um tema que fala de liberdade e libertação.

Produção: Aquarela Brasileira

Foto: Lelê Grossi
Foto: Lelê Grossi