Arquivo da categoria: Áudio

Manifesto da Abundância

Sobre amor às artes, expertise e atenção…

E sobre…

E sobre ser escolhido e escolher fazer arte…

E sobre escolha ou condenação…

E sobre educar e aprender…

E sobre a Academia…

E sobre a Língua Portuguesa…

E sobre respeito e convivência com a diversidade…

 

E sobre… nós…

nós

 

Nisto acreditamos…

 

Prosperidade!

O universo é abundante de recursos, de bondades e recompensas.

 

Reconhecemos na linguagem da arte a pluralidade de sentidos como traço definidor.

O mundo é uma obra aberta.

Vamos expandir nossas fronteiras, vamos romper com os paradigmas.

 

O sol há de brilhar mais uma vez.

O amor será eterno novamente.

 

 

 

Raul no Rio

O gigante do trombone está chegando, Cidade Maravilhosa!

Raul no Rio_2019

Saiba mais sobre BLUE VOYAGE, o novo album de Raul de Souza: www.aquarelabrasileira.com.br/blue-voyage-raul-de-souza


 

 

Blue Voyage – Raul de Souza

Raul de Souza_BlueVoyage_capa   Raul de Souza_Blue Voyage 1_Foto_Anatholie Music Photography : Emmanuelle Nemoz

Raul de Souza_Blue Voyage 4_Foto_Anatholie Music Photography : Emmanuelle Nemoz

Blue Voyage – Raul de Souza

1. Vila Mariana 4:10
2. St. Martin 5:27
3. Blue Voyage 4:37
4. Primavera em Paris 5:26
5. Chegada 5:56
6. Bolero à Chamonix 5:40
7. To my Brother Sonny 7:16
8. Night in Bangalore 5:21

Ficha técnica do album
Raul de Souza, trombone e saxofone
Glauco Sölter, baixo elétrico
Mauro Martins, bateria
Leo Montana, piano
Alex Correa, piano
Técnico de Som: Nicolas Falque
Mixagem: Fred Teixeira e Álvaro Ramos Sala Gramofone, Curitiba (BRA)
Masterização: Homero Lotito Reference Studio, São Paulo (BRA)
Fotografia: Emmanuelle Nemoz Anatholie Music Photography
Projeto Gráfico: Alexandre Calderero
Tradução: Gabriela Maloucaze
Produção Executiva: Yolaine de Souza, Yvan Baumgartner e Wagner Merije
Direção Artística: Glauco Sölter e Wagner Merije
Label: Selo Sesc (Dec, 2018)
Website: www.rauldesouza.net

Mobinho na Aquarela

 

MVMOB_logo FINAL alta

 

Logo logo teremos novidades para toda a Família do Mobinho.

Enquanto isso, visite nossa rede e comunidade virtual:  www.mvmob.com.br

Raul de Souza no som da Aquarela Brasileira

 

Raul de Souza tocando

Foto: Felipe Godoi
Foto: Felipe Godoi

Raul de Souza black braços levantados

Raul é uma entidade musical. Reconhecido em todo o mundo como um dos maiores trombonistas de todos os tempos, já gravou e tocou com os maiores nomes da Bossa Nova, do Jazz, da MPB, do Soul, do Rock. Instrumentista, compositor, arranjador, completa 65 anos de carreira em plena forma, cada vez melhor e mais inspirado.

Ao vivo, essa lenda é um show inesquecível! Escolhido pela imprensa brasileira e americana como um dos grandes nomes vivos da música de todos os tempos.

Temos datas disponíveis para shows na Europa  e USA.

Confira vídeos e imagens no site www.rauldesouza.net

 

Contatos – EUROPE / USA

email : faleaquarela@gmail.com

Mobile/Whatsapp : + 351 910 227 677

Mobile/Whatsapp : + 55 11 99821-1330

 

Sumo Tropical

sumo_suco-tropical-comida-bebidas-1298418

Aguarde!

É bom! É delícia!

Viagem a Minas Musical

Sinopse
Viagem a Minas Musical é uma apresentação poética-musical-cênica que leva o público em uma deliciosa viagem pelo estado de Minas Gerais, rico em tradições culturais, paisagens, sabores e prosa.
O roteiro é estruturado a partir de poemas do livro Viagem a Minas Gerais, de Wagner Merije (2013), entre outros, entrelaçado com canções de domínio público e de intérpretes e compositores como Clara Nunes, Milton Nascimento e o Clube da Esquina, Ary Barroso, Martinho da Vila, Caetano Veloso, Paulo Diniz, Wando e Ataulfo Alves.
O cenário recria uma cozinha de Minas, onde um poeta, uma cantora e um músico dão corda na prosa, na poesia e na música, enquanto vão apresentando parte da história de Minas e dos mineiros.
A proposta é que ao final da apresentação o público saia com a sensação de conhecer um pouquinho mais de Minas, mas com a certeza de que trata-se de um lugar incrível e ainda por ser descoberto por brasileiros e estrangeiros.
No elenco estão o poeta Wagner Merije, a cantora e atriz Tâmara David e o músico Matheus Nascimento.
A estreia ocorreu no Sesc Palladium, em Belo Horizonte.

Fotos: Henrique Chendes

Apresentação
Com pão de queijo e rapadura no embornal, venha se aventurar com uma trupe de poetas, músicos e atores nesse lugar povoado de sanfonas e sinfonias, outonos e outroras, aonde um mundo se funda, onde o Rio Jequitinhonha deságua no Mar de Espanha, levando o vaqueiro Riobaldo a bordo de um barquinho de papel.
É uma viagem para dentro do Brasil, como disse Fernanda Montenegro, citada por Caetano Veloso na gravação de A terceira margem do rio, com Milton Nascimento: ”Eu vou ao sul do Brasil e me sinto em um lugar relativamente estrangeiro. Vou a Salvador e me sinto em um lugar bastante estrangeiro… Porque no sul do país parece que fui pra Europa, na Bahia parece que eu fui pra África… Mas quando eu vou a Minas, sinto que fui para dentro do Brasil”, declarou a grande dama do teatro brasileiro.
Minas Gerais, com sua imensidão cultural e geográfica, vem historicamente seduzindo poetas, artistas e viajantes de todo o planeta. Guimarães Rosa junto com Manuelzão fez o caminho que originou o “Grande Sertão: Veredas”. Manoel Bandeira, visitando o estado, produziu o “Guia de Ouro Preto”. Mário de Andrade com Tarsila do Amaral, Oswald de Andrade e o suíço Blaise Cendrars, acompanhados de uma turma da Semana de Arte Moderna, andaram visitando as Gerais, linkando poetas mineiros com  o vasto mundo, oportunidade em que  conheceram Carlos Drummond de Andrade e seus amigos.
Minas é raiz, é tradição, é antiga, mas também moderna e pulsante, sem esquecer de tudo que o envolve o “ser mineiro”: ingênuo, hospitaleiro, desconfiado e feliz.
A inspiração vem dos espetáculos “Poeta, Moça e o Violão” (1973), com Vinícius de Moraes, Clara Nunes e Toquinho, e “Brasileiro, Profissão Esperança” (1974), de Paulo Pontes, interpretado em duas montagens diferentes por Paulo Gracindo e Clara Nunes, Ítalo Rossi e Maria Bethania.

Fotos: Daniel Quintela

 

Duração
90 minutos

 

Contatos para apresentações
Aquarela Brasileira
www.aquarelabrasileira.com.br
faleaquarela@gmail.com
(11) 99821-1330

Rede Social: www.facebook.com/viagemaminasmusical

 

Elenco
Wagner Merije é poeta, compositor, jornalista, roteirista, diretor e curador. Mineiro do mundo, tem trabalhos lançados no Brasil e no exterior e alguns prêmios no currículo. Publicou os livros Astros e Estrelas – Memórias de um jovem jornalista em Londres (2017), Cidade em transe (2015), Viagem a Minas Gerais (2013), Torpedos (2012), Mobimento – Educação e Comunicação Mobile (2012) – finalista do Prêmio Jabuti 2013, e Turnê do Encantamento (2009), lançados em alguns dos principais eventos literários do país. Sua escrita também está em antologias e em outras mídias. Trabalhou para jornais, revistas, TVs e rádios no Brasil e no exterior, tais como Folha de São Paulo/Ilustrada, O Tempo, TV Minas, TV Sesc, Rádio Inconfidência, dentre outros veículos. Criou e coordena o projeto MVMob – Minha Vida Mobile, que capacita estudantes e educadores para a apropriação criativa dos celulares. Tem músicas em discos, filmes, séries e programas de TV. Recebeu os prêmios Sesc Sated (2003), Prêmio Tim da Música Brasileira (2005), Rumos Itaú Cultural (2008), Inovação Educativa Fundação Telefônica – OEI (2011), Prêmio da Música Brasileira (2013)­­­­. Em 2014 foi homenageado pelo Salão Nacional de Poesia Psiu Poético. É de BH, já morou em Londres e desde 2005 habita SP. Mantém o site www.merije.com.br

Tâmara David é atriz, cantora e produtora cultural. Participou de diversos grupos como Teatro Negro e Atitude, Enxadário e Sambaê, onde iniciou o estudo da voz e da percussão através da pesquisa da música de domínio público, como o samba de roda do recôncavo baiano, afoxés, música popular e afro-brasileira. Mineira de Belo Horizonte, radicada em São Paulo, integrou o grupo Ilú Obá De Min de 2007 a 2016, e como coordenadora realizou junto ao grupo preparação vocal e estudo de que inclui cantigas em yorubá presentes na cultura dos terreiros de Candomblé. Também canta em grupos de música popular brasileira, como Prato Principal, Festa da Massa, Mbej-Lua de Encantarias, Samba Negras em Marcha e Tambores em Mim.

Matheus Nascimento começou estudar violão aos 7 anos de idade no sul de Minas, onde nasceu. Hoje, como 26, morando em São Paulo, participa de diversos grupos e acompanha sambistas da nova geração e também da velha guarda, como Zé Maria, Toinho Melodia, Ideval Anselmo, Carlão do Peruche, Embaixada do Samba , Wilson das Neves, entre outros. Dirige musicalmente o grupo Roberta Oliveira & O bando de Lá e participa dos projetos, Cantigas de Alem Mar, Prato Principal e Combo de Musica Brasileira Moacir Santos.

Viagem a Minas Gerais_ilustrações Rômulo Garcias

Ilustrações: Rômulo Garcias

São Paulo em palavras na Rádio Estadão

Entrevista com o escritor Wagner Merije, organizador da antologia São Paulo em palavras, na Rádio Estadão, programa Estadão Noite, transmitida no dia 23/01/2017

VAN lança EP com show

Aquarela Brasileira Music orgulhosamente está representando a cantora VAN. Para contratar shows, entre em contato com a gente.

Van é Vanessa Farias, cantora com formação lírica e popular, compositora, escritora e atriz, que está lançando seu primeiro trabalho solo, o EP “Daqui Pra Frente”.

Seu som é dançante, envolvente e contemporâneo, uma mistura de vários gêneros, com pitadas da Black Music nacional, Soul, Hip Hop, ritmos latinos e nordestinos.. O disco foi gravado entre 2014 e 2015 e foi produzido por Daniel Guadalupe, mixado por Daniel Guadalupe e Janja Gomes (Estúdio Tubo) e masterizado por Arthur Joly (Reco-Master).

Dona de técnica apurada e vasta extensão vocal, a cantora já soma mais de vinte anos de carreira entre teatro e música, desde que iniciou a carreira ainda criança no Rio de Janeiro.

Um de seus trabalhos de mais destaque é o projeto Versão Acústica, que integra ao lado do cantor e multiinstrumentista Emmerson Nogueira. Com ele, lançou os CDs “Versão Acústica I, ll e lll”, “Ao Vivo, Beatles”, “Vol. lV” e “Miltons, Minas e Mais”, além dos DVDs “Emmerson Nogueira Ao vivo – Vols. l e ll” (Sony Music), premiados com discos de ouro, platina e diamante. Em 15 anos de estrada nesse projeto, Van fez shows no Chile, Uruguai e Argentina, e já tocou nas maiores casas de show do Brasil, dentre elas, Vivo Rio, Canecão (RJ), Citibank Hall (SP e RJ), Chevrolet Hall (BH), Tom Brasil, HSBC Brasil, Teatro Bradesco (SP), Teatro Positivo (PR), sempre com lotações esgotadas até hoje.

Van integrou também o Coletivo Universal, projeto autoral que reúne músicos de Minas Gerais, Rio de Janeiro, São Paulo e Ceará. Em setembro de 2008 a banda gravou o DVD “Ao Vivo na Paulista”, como prêmio do projeto Rumos Itaú Cultural.

Sua voz também pode ser ouvida em discos e DVDs de vários artistas brasileiros de estilos diferentes.

Músicas novas, show novo

O show novo, além do repertório autoral, vem recheado de surpresas que vão agradar aos velhos e novos fãs. Nele, Van canta, dança, recita textos e toca os corações dos que amam música e arte.

Ao vivo, Van é acompanhada por uma banda muito especial, formada por Daniel Guadalupe (Baixo), Vinícius Nallon (Guitarra/Violão), André Lima (Teclados), Davi Gomes (Bateria) e Janja Gomes (Percussão/Programação).

OUÇA: https://soundcloud.com/VANMUSICOFICIAL

VEJA: https://www.youtube.com/watch?v=qkuPpkYMKas

INTERAJA: https://www.facebook.com/vanmusic.oficial

PARA CONTRATAR O SHOW, ENTRE EM CONTATO :

E-mail: faleaquarela@gmail.com

www.aquarelabrasileira.com.br

Aquarela BRAZUKA BEATS

_MG_1281-84

A Aquarela Brasileira Music está montando um casting de DJs para participar de festivais e eventos diversos. Várias ações de lançamento estão previstas.

A coletânea Aquarela BRAZUKA BEATS será a primeira apresentação do trabalho dos DJs participantes.

Se você é DJ e quer brilhar e tocar pelo Brasil e o mundo, chegou a sua hora. Participe agora!!!

REGULAMENTO

1. Qualquer DJ (ou músico que atue como DJ), de qualquer região do país, gênero, idade, experiente ou iniciante, pode participar.

2. Cada DJ poderá enviar quantas músicas quiser para audição.

3. Em nome da inventividade, todos os gêneros de música são bem-vindos. A proposta é reunir faixas que sejam “dançantes e tenha a energia da música brasileira”. Esses são dois dos critérios que nortearão a escolha da curadoria, além de outros, como “originalidade e boa qualidade sonora (para os padrões de pista de dança)”.

4. Solicitamos que atentem para algum texto (quando houver) que fira ou incite contra as opções e minorias, com conteúdos pejorativos à cor, condição sexual, crenças, religiões e outros, para evitarmos problemas.

5. É de responsabilidade de cada autor(a) a autoria da obra enviada (loops, samples, instrumentos, vozes, texto – quando houver).

6. A coletânea será apresentada para o público em MP3 (possivelmente), mas solicitamos o envio das faixas para audição em arquivo wav. (preferencialmente). Depois da escolha das faixas e da montagem da ordem, a coletânea deverá passar por um processo de masterização.

7. Atentem para que as faixas tenham no máximo 10’ (dez minutos) de duração (cada uma).

8. A(s) faixa(s), junto com os dados (autoria, músicos participantes – se houver e outras informações) deve(m) ser enviada(s) para o e-mail:   faleaquarela@gmail.com (Se preciso, pode-se usar serviços como Wetransfer)

9. A curadoria para escolha das faixas que comporão a coletânea será feita por DJs e artistas parceiros da Aquarela Brasileira. A decisão dos curadores é soberana.

10. A coletânea contará com registro de ISRCs. O copyright (C) constará na ficha técnica em favor dos autores e músicos acompanhantes (quando houver) preservando a propriedade intelectual da obra e direitos de cada um e de todos. Cada um deverá registrar a obra selecionada para a coletânea em sua associação musical ou editora.

11. Os selecionados para a coletânea poderão ou não entrar para o casting da Aquarela Brasileira Music, mas poderão ser convidados para participar de showcases, oficinas, shows, festivais, eventos especiais e outras atividades.

12. A coletânea poderá ser encartada em alguma publicação (jornal, revista, livro) a título de promoção, com o objetivo de divulgar os DJs participantes para um público maior.

13. A Aquarela Brasileira Music cuidará da produção fonográfica e executiva, design de capa, rótulo, encarte e peças promocionais (quando houver), assessoria de promoção, desenvolvimento de parcerias, organização de eventos e turnês (quando possível). Os custos serão divididos entre os participantes, que receberão uma cota de CDs.

14. Outras cotas de CDs e Vinis (quando houver) poderão ser solicitadas com descontos especiais para os participantes.

15. Qualquer dúvida, enviar e-mail para: faleaquarela@gmail.com

_MG_1139-8_recortada

 

Realização: Aquarela Brasileira Music